Início COTIDIANO Vídeo: Adolescente diz que matou pais e irmã após briga por celular

Vídeo: Adolescente diz que matou pais e irmã após briga por celular

71
0

Jovem revelou que já havia pensado em matar os pais em outra oportunidade, mas que não seguiu adiante com o plano

Em depoimento à polícia, o adolescente que matou os pais e a irmã em São Paulo disse ter discutido com o pai na noite anterior dos assassinatos e que, como forma de castigo, teria ficado sem acesso ao celular. Após a briga, ele decidiu assassinar os pais e a irmã.
Na tarde de sexta-feira, depois de não poder apresentar um trabalho escolar por ficar sem o celular e por ser chamado de “vagabundo”, o adolescente esperou o pai chegar da escola com a irmã mais nova e acertou um tiro fatal na vítima.

Na sequência, ele subiu para a parte de cima de casa e acertou um tiro no rosto da irmã. Depois disso, o jovem foi à academia. Já na parte da noite, após ter aguardado a mãe chegar do trabalho, o adolescente abriu o portão para ela entrar com o carro e já dentro de casa, a executou.
O infrator revelou que já havia pensado em matar os pais em outra oportunidade, mas que não seguiu adiante com o plano.

A polícia tenta esclarecer mais detalhes do caso. Testemunhas devem ser ouvidas nos próximos dias.
O caso
Um adolescente, de 16 anos, foi apreendido neste domingo (19) após ter confessado à polícia ter matado a tiros os pais e a irmã na residência da família, localizada na Vila Jaguara, na zona oeste da capital paulista.

Em depoimento, o jovem disse que “faria tudo novamente”.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, as vítimas foram mortas pelo jovem na sexta-feira (17), mas somente ontem, três dias após o ocorrido, o rapaz acionou a polícia e confessou o crime.

Policiais militares foram acionados ao local, pelo próprio adolescente, por volta das 22h55 deste domingo. Aos agentes, ele relatou que utilizou a arma do pai, um guarda municipal, de 57 anos, para cometer os assassinatos. O pai do infrator atuava na cidade de Jundiaí desde 2012
caso
Um adolescente, de 16 anos, foi apreendido neste domingo (19) após ter confessado à polícia ter matado a tiros os pais e a irmã na residência da família, localizada na Vila Jaguara, na zona oeste da capital paulista.

Em depoimento, o jovem disse que “faria tudo novamente”.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, as vítimas foram mortas pelo jovem na sexta-feira (17), mas somente ontem, três dias após o ocorrido, o rapaz acionou a polícia e confessou o crime.

Filho autor dos crimes

Policiais militares foram acionados ao local, pelo próprio adolescente, por volta das 22h55 deste domingo. Aos agentes, ele relatou que utilizou a arma do pai, um guarda municipal, de 57 anos, para cometer os assassinatos. O pai do infrator atuava na cidade de Jundiaí desde 2012

Leia mais

https://www.cnnbrasil.com.br/nacional/faria-tudo-novamente-diz-adolescente-que-matou-pais-e-irma-em-sp/

Artigo anteriorMini biografia da pequena Ana Catarina de 4 aninhos: Concurso criativo Tintintins
Próximo artigoMinistério Público cobra cumprimento de lei de autoria do vereador Pavão Filho que garante transparência nas obras públicas de São Luís
Jornalismo Faculdade Estácio MA Especialistas em Marketing Digital RP -19-03MA Blogueira por paixão

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui